Mais São Paulo

Informações:

Sinopsis

Um time de apaixonados pela capital paulista

Episodios

  • O clube da voz

    O clube da voz

    19/02/2021 Duración: 09min

    Coluna fala hoje da nova mania da internet: a rede social Club House. Alcoforado destaca que, ali, é tudo ao vivo e com a voz da pessoa em destaque. Ao contrário do Instagram, onde há ostentação, ele comenta que o Club House se define pela voz.

  • É uma série de questões que afetam o nosso psicológico

    'É uma série de questões que afetam o nosso psicológico'

    18/02/2021 Duración: 07min

    Valéria Almeida fala sobre a saúde mental em tempos de pandemia. Segundo ela, apesar do alto número de pessoas com dificuldade de enfrentar o momento, 'as pessoas estão buscando ajuda'. A comentarista ainda aborda a necessidade do tratamento e de se entender quando é hora de ajuda.

  • Suspensão de evento em SP: argumento não se sustenta do ponto de vista jurídico

    Suspensão de evento em SP: 'argumento não se sustenta do ponto de vista jurídico'

    17/02/2021 Duración: 09min

    Américo Sampaio comenta suspensão do projeto online 'Tô me guardando', da Prefeitura de São Paulo. Evento foi proibido pela justiça nesta terça-feira.

  • No meio do caminho tinha um sambódromo

    No meio do caminho tinha um sambódromo

    16/02/2021 Duración: 07min

    Raul Juste comenta a subutilização do Sambódromo de São Paulo. ‘É um baita desperdício. O espaço poderia ser usado para atividades de educação, vida cultural, treinamento, qualquer coisa’.

  • Carnaval online é como chupar bala com papel

    'Carnaval online é como chupar bala com papel'

    12/02/2021 Duración: 10min

    Vamos sobreviver à ausência do carnaval? Michel Alcoforado 'tenta' responder: 'Nunca passamos por nada parecido no Brasil. Roberto da Matta dizia que, se o Brasil não tivesse carnaval, iria explodir. Isso, claro, antes da pandemia'. E agora? Explodir não é uma opção. 'O carnaval é a ruptura do cotidiano, é quando a gente pode começar a beber na sexta e parar só na quarta e ninguém vai falar. Esse tipo de coisa não dá para fazer online'. Ele elogia a iniciativa da prefeitura de SP de fazer eventos online, mas admite: não dá.

  • ‘Tem um pedido de socorro social escrachado na nossa cara’

    ‘Tem um pedido de socorro social escrachado na nossa cara’

    11/02/2021 Duración: 11min

    Coluna destaca o drama da falta de habitação em São Paulo e em todo o país. Nesta quinta-feira, mais de 300 famílias fizeram um protesto na capital paulista por uma política de moradia digna. A maioria das famílias é formada por haitianos em situação vulnerável. Eles vivem em um galpão na zona sul da cidade. 'Olha a quantidade de famílias aguardando moradias! Ninguém que mora em uma área irregular, desumana, está ali porque acha que é legal. Todos querem uma boa casa', destaca Valéria Almeida.

  • Ritmo de doações perde força, o que é grave, já que Poder Público não dá respostas

    'Ritmo de doações perde força, o que é grave, já que Poder Público não dá respostas'

    10/02/2021 Duración: 14min

    Desigualdade social é cada vez mais profunda no país, que deixa ainda maior o abismo entre os ricos e pobres na nossa sociedade. 'Este é um projeto político estruturante da história do nosso país', afirma Américo Sampaio. Para ele, afora todas as políticas sociais discutidas, é importante observar a cultura de doações entre os brasileiros. 'Ainda é muito incipiente esta cultura no nosso país'. Para se ter ideia, o nível de doações caiu 90% desde o início da pandemia.

  • Centro abandonado: pautas caminham com a ‘velocidade de uma tartaruga com artrite’

    Centro abandonado: pautas caminham com a ‘velocidade de uma tartaruga com artrite’

    09/02/2021 Duración: 04min

    Comentarista do CBN São Paulo fala sobre a situação de abandono do Centro da cidade. 'O pior que podia acontecer, aconteceu. O centro de São Paulo está andando para trás, problemas abundam'.

  • A beleza de se poder proteger os corpos mais velhos

    A beleza de se poder proteger os corpos mais velhos

    05/02/2021 Duración: 13min

    Coluna comenta o cenário da vacinação em São Paulo, que começou a imunizar os idosos com mais de 90 anos. 'É um movimento de felicidade geral da nação', brinca Alcoforado. Ele destaca que as pessoas mais velhas passaram a ganhar espaço nas redes socais cada vez mais e, detalhe, com orgulho, mostrando que 'um dos meus já foi vacinado'. O colunista fala ainda sobre a ideia de se cercar a praça Pôr do Sol. 'São Paulo tem umas contradições que desafiam o bom senso. Praça é lugar de sociabilidade'.

  • Negócio social é importante, mas é preciso seguir cobrando dos governos

    'Negócio social' é importante, mas é preciso seguir cobrando dos governos

    04/02/2021 Duración: 08min

    Em pauta, nesta quinta-feira, as novas formas de relações comerciais que estão surgindo nas comunidades de todo o país, como o G10 Favelas. 'É o que chamamos de negócio social. Nasce com a intenção de promover uma condição digna'. Geralmente esse tipo de negócio surge de ação de ONGs e de um Estado ausente'.

  • São atentados políticos que têm que ser investigados

    'São atentados políticos que têm que ser investigados'

    03/02/2021 Duración: 13min

    Em pauta, a primeira - e quente - sessão do ano na Câmara Municipal de São Paulo. O clima foi de tensão com discussões sobre masculinidade e feminilidade. 'Vale destacar que as figuras de representação maior do poder de SP seguem iguais, como o Milton Leite e o próprio prefeito Bruno Covas'. Analista destaca que a novidade dos mandatos coletivos começa a chamar atenção no Legislativo. Por ora, no entanto, não há muito o que comemorar. Isso porque três vereadoras ligadas a mandatos coletivos e transexuais foram alvo de ataques nos últimos dias. 'Os tempos mudaram, a Câmara tem representante trans sim!', pontua.

  • A importância de se planejar a arborização da cidade

    A importância de se planejar a arborização da cidade

    02/02/2021 Duración: 08min

    Na coluna desta terça, Raul Juste fala sobre a arborização da cidade de São Paulo e sobre a questão do planejamento urbanístico da cidade. 'É uma promessa antiga, todo prefeito quando se elege fala que a cidade tem que ser mais arborizada, mas a gente vê o oposto. Vê árvores centenárias caindo e sem substituição'. Ele ainda fala sobre a situação das pessoas em situação de rua na capital e a falta de política pública para esse grupo.

  • Ainda há muito o que construir na luta pela visibilidade trans

    'Ainda há muito o que construir' na luta pela visibilidade trans

    29/01/2021 Duración: 14min

    A fundadora da ONG Transcendemos, que trabalha pela maior diversidade nas empresas, Gabriela Augusto, falou sobre a importância do Dia da Visibilidade Trans, celebrado neste 29 de janeiro. Ela acredita que existem, sim, motivos para comemorar, mas lembra que, por outro lado, o país ainda é o que mais mata pessoas trans. Ela pediu a ajuda de pessoas não-trans nessa luta. 'Você não precisa ser um LGBT para ser um aliado ou aliada na luta contra a LGBTfobia', afirma. Michel Alcoforado endossa que, 'apesar das conquistas, o jogo não está ganho', lembrando que duas vereadoras transexuais da cidade de São Paulo foram alvos de ataque nesta semana.

  • Fornecer merenda para crianças vulneráveis é uma forma de garantir dignidade

    Fornecer merenda para crianças vulneráveis 'é uma forma de garantir dignidade'

    28/01/2021 Duración: 06min

    Estudantes nessa condição poderão ir às escolas da rede estadual de SP para comer diariamente a partir de segunda-feira. Valéria Almeida elogia a iniciativa porque, segundo ela, no país, existem crianças que têm na merenda a única refeição do dia, e isso é 'muito sério'. 'O direito à alimentação adequada é um direito humano, garantido na Constituição', lembra.

  • Com pandemia, demanda de usuários de transporte público despenca 40% em 2020

    Com pandemia, demanda de usuários de transporte público despenca 40% em 2020

    27/01/2021 Duración: 06min

    Um estudo nacional realizado pela Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (ANTU) mostrou ainda que a oferta de ônibus caiu 20%. Segundo Américo Sampaio, isso tudo é reflexo da falta de renda das pessoas e do medo de usar o transporte. O problema, destaca ele, é que isso gerou prejuízo às empresas de quase R$ 10 bilhões, o que resultou em 61 mil demissões no ano passado. Para o comentarista, os números são absolutamente preocupantes. 'É uma catástrofe anunciada', afirma.

  • Somos a maior cidade nordestina do Brasil, e com orgulho

    'Somos a maior cidade nordestina do Brasil, e com orgulho'

    26/01/2021 Duración: 12min

    Raul Juste Lores, que é editor-chefe da Veja São Paulo, comentou a polêmica envolvendo a capa dessa semana da publicação, que traz uma reportagem sobre os nordestinos que alcançaram o sucesso em São Paulo e cujo título é 'A capital do Nordeste'. Segundo ele, a escolha se deu pelo fato de haver, na Grande São Paulo, 8 milhões de nordestinos e descendentes, ou seja, mais do que as populações de Salvador, Recife e Fortaleza juntas. O jornalista avalia ainda que muita gente se incomodou porque o tema da migração e imigração é 'pouco digerido' no Brasil, criticando a desvalorização da presença nordestina na cidade. 'São Paulo, por décadas, celebrou demais a presença europeia e a presença japonesa, e celebramos de menos a presença nordestina, como se fosse um trabalho menor', afirma.

  • O que falta no combate ao coronavírus no Brasil é união

    O que falta no combate ao coronavírus no Brasil é união

    22/01/2021 Duración: 14min

    Michel Alcoforado afirma que, tanto na questão da vacina - com tantas denúncias de fura-fila - quanto em relação às medidas restritivas, 'só a união pode ajudar'. Ele defende o recrudescimento da quarentena em São Paulo, mas critica a falta de planejamento e organização do estado na hora de tomar decisões em relação à pandemia. O comentarista avalia que isso não pode ser feito 'da noite para o dia', porque os donos de restaurantes correm o risco de ter de jogar fora todo o estoque de alimentos acumulado para o fim de semana.

  • Incluir quilombolas na vacinação é garantir que não sejam condenados à morte

    Incluir quilombolas na vacinação é 'garantir que não sejam condenados à morte'

    21/01/2021 Duración: 15min

    Valéria Almeida afirma que o reconhecimento da população quilombola é fundamental para que a gente saiba que esses grupos existem e para que sejam desenvolvidas políticas públicas para proteger essas famílias, que vivem à margem da sociedade. 'A escravidão acabou em 1888, e a gente ainda está brigando para que essas pessoas sejam reconhecidas e respeitadas', lamenta. Ela lembra que, em São Paulo, segundo o governo, existem 61 quilombos, sendo 36 regularizados.

  • Governo de SP acerta com a vacina, mas tem relaxado na questão do isolamento

    Governo de SP acerta com a vacina, mas 'tem relaxado' na questão do isolamento

    20/01/2021 Duración: 11min

    Para o professor Fernando Abrucio, se não fosse a ação do governador, o Brasil não teria nenhuma vacina pelos próximos meses. 'Doria nos tirou do desastre criado por Bolsonaro', afirma. Por outro lado, com a previsão de atingir as piores semanas da pandemia, o estado caminha para bandeira vermelha. 'Bares, restaurantes, tudo aquilo que pode gerar algum tipo de aglomeração terá que ser fechado, pelo menos por um tempo', ressalta.

  • A gente precisa, urgentemente, expandir o Ocupa Rua

    'A gente precisa, urgentemente, expandir o Ocupa Rua'

    19/01/2021 Duración: 13min

    Para Raul Juste Lores, o projeto que prevê o uso de calçadas para que bares e restaurantes possam servir ao ar livre ganha uma importância ainda maior no pós-pandemia, porque, com o fechamento de diversos estabelecimentos, o temor é que o esvaziamento das ruas aumente a insegurança. Segundo ele, São Paulo está na contramão da tendência mundial, lembrando que ambientes fechados são fator de risco para a Covid-19. 'A gente serve dentro, que, onde, segundo todas as pesquisas, o contágio é mais fácil', destaca.

página 1 de 2